fbpx
  • Fale Conosco:

    (31) 3654-5664

  • E-mail:

    franquia@encontresuafranquia.com.br

Encontre sua Franquia

Como sair de uma franquia?


Especialista dá dicas para evitar problemas e desgaste com o franqueador.

Chegou ao fim uma parceria de sucesso e você deseja sair de uma franquia. Mas como encerrar sem traumas e problemas?

De acordo com o consultor em franchising, Marcus Rizzo, sair de uma franquia é como sair de um casamento, pois a relação entre franqueado e franqueador, além de profissional, é emocional. “Sempre vai existir um mal estar. Geralmente a saída tende a ser complexa.

O que se pode fazer é administrar pra não ser um grande problema”, explica.

Rizzo ainda comenta que, geralmente, o franqueado quer sair porque acredita que negocio é ruim e foi enganado.

“Por mais verdadeiro que o franqueador tenha sido, o franqueado não consegue considerar que pode ter faltado empenho na hora de tocar o negócio. Outro motivo que complica essa relação é que o franqueado, na maioria das vezes, não quer pagar a multa contratual”.

Na prática, o franqueado pode desistir da franquia antes do término do prazo estipulado, mas, para isso, as condições de rescisão já devem ter sido preestabelecidas em contrato. Normalmente cada franqueadora possui suas normas específicas para rompimento. Cada contrato tem cláusulas variadas.

O que, quase sempre se repete é aplicação de multa. Caso a assinatura do contrato ainda não tenha sido efetuada, o franqueador não tem muito o que fazer.

Em uma rescisão o que deve prevalecer é o previsto e contrato. Ambas as partes devem prezar pelo bom senso, ética e o profissionalismo.

O sistema de franquias é motivado pelo relacionamento e respeito entre franqueador e franqueado.

Dicas para quem quer sair de uma franquia

Para Rizzo, a maioria dos franqueados contratam um advogado para forçar a saída, mas eles só devem aparecer na hora certa. “Tente, na medida do possível, administrar a situação.

Sente com o franqueador e tente ponderar os motivos da saída. Em alguns casos, a franqueadora não aceita repassar a franquia. Dependendo, é melhor assumir o prejuízo e fechar do que entrar em uma briga pra tentar revender”, relata.

A melhor forma para evitar todo esse transtorno, segundo o especialista, é pesquisar muito antes de entrar para uma rede de franquias. “Pela Circular de Oferta de Franquia, o franqueador deve oferecer a lista de seus franqueados.

Ligue pelo menos para uns três ou quatro. Converse também com ex-franqueados e busque os motivos que os levaram a deixar a rede”, finaliza.

Sair

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *