fbpx
  • Compre sua Franquia:

    (31) 3654-5664

  • E-mail de Contato:

    franquia@encontresuafranquia.com.br

Encontre sua Franquia

Faça sua empresa de baixo investimento sobreviver aos primeiros anos


É de conhecimento de todos que uma grande parte das empresas não consegue superar os cinco primeiros anos de vida – principalmente a empresa de baixo investimento, apesar do índice de mortalidade das empresas nascentes no Brasil esteja caindo.

Mas um dos motivos principais está na falta de planejamento, má gestão e experiência. Abaixo, alguns pontos que merecem uma atenção especial antes de abrir seu próprio negócio.

Faça Sua Empresa de Baixo Investimento Sobreviver aos Primeiros Anos

  1. Aposte na Experiência

Ter experiência no ramo que deseja abrir o negócio é uma boa. Se sua empresa de baixo investimento possuir isso, ótimo! Se não, vale a pena procurar um sócio, um funcionário ou até mesmo uma consultoria do ramo.

  1. É necessário ter conhecimento

Para você entender o mercado que irá atuar, é fundamental ter conhecimento sobre o ramo, até mesmo para saber como será a atividade e as situações que você poderá encontrar no dia-a-dia. Então busque conhecimento na área que quer atuar. Além da experiência, citada no item 1, fazer cursos de capacitação na área é fundamental.

  1. É essencial ter um plano de negócio

Começar montar o próprio negócio sem ter um plano é o primeiro passo para o fracasso. É necessário definir um plano financeiro, o capital de giro, o público alvo, as estratégias de vendas. É bom fazer, inclusive, a previsão de rentabilidade nos primeiros anos de negócio.

  1. Saber o valor do cliente

Para você conseguir sair na frente dos seus concorrentes é fundamental levar em conta que o cliente é o ponto chave do seu sucesso. É necessário ter um diferencial do concorrente. Ache a resposta para a pergunta: O que fará o cliente preferir o meu produto/serviço?     5. Tenha capital de giro suficiente

Antes de começar o seu negócio, analise se terá capital de giro suficiente. É preciso ter um dinheiro suficiente para manter as despesas por pelo menos um ano. Porque, normalmente, os primeiros meses são de adaptação ao mercado e não geram lucros. Nesse ponto, já é possível ver como é importante o plano de negócio.

  1. Separe as finanças pessoais das finanças da empresa

É necessário estipular um salário para o proprietário, que deverá ser pago junto com os pagamentos dos colaboradores. Para definir o seu salário é simples: quanto você pagaria para outra pessoa exercer suas funções?

Definido seu salário, não retire dinheiro fora das datas pré-fixadas para pagamento, pois é necessário manter bem estruturado o controle financeiro do negócio.

#Última dica que deixo como extra é saber controlar a ansiedade, tenha ciência que o reconhecimento da sua empresa não virá logo nos primeiros dias de existência. Então, não exija resultados antes da hora. Saiba se controlar para não ter frustrações logo que acabe com o negócio.

Depois de todas essas dicas mãos a obra, comece colocar no papel o seu plano e faça sua empresa sobreviver aos primeiros anos.

Sair

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *