fbpx
  • Compre sua Franquia:

    (31) 3654-5664

  • E-mail de Contato:

    franquia@encontresuafranquia.com.br

Franquia de pizzaria barata: onde investir? Quais são as opções?


Abrir uma franquia de pizzaria barata é o sonho de muitos empreendedores e por mais que pareça algo distante, saiba que é mais fácil do que parece. Porém, é importante que você fique atento a algumas questões.

O consumo de pizza no Brasil é um dos mais altos do mundo e dificilmente você conhece uma pessoa que não goste de saborear o alimento. Mesmo tendo chegado no Brasil ainda na década de 1950, por causa dos imigrantes italianos, segundo registros, ela já faz parte da nossa cultura. 

Independente da região do país que você mora, certamente existem diversas pizzarias que não fazem jus ao nome, oferecendo produtos sem muita qualidade e que acabam ficando devendo quanto a sabor, por exemplo. Esse é um problema encontrado em diversas áreas do setor alimentício, principalmente os mais populares. 

Mas para evitar que coisas assim aconteça, existem franquias especializadas em pizzas e que possuem anos de história no mercado. Dessa forma, se você não está querendo viver as loucuras e burocracias de abrir um empreendimento do zero, as franquias são, sem dúvida, a melhor opção. 

Para que você possa conhecer um pouco mais das práticas para escolher o melhor empreendimento e conhecer algumas opções, preparamos o texto a seguir. Acompanhe a leitura. 

Como encontrar uma franquia de pizzaria barata?

Franquia de pizzaria barata: homem abrindo massa
Existem diversas pizzarias disponíveis, mas é preciso escolher muito bem as opções para que ofereça um produto de qualidade

Para quem deseja abrir uma franquia de pizzaria barata existem diversas possibilidades para encontrar o melhor modelo para você.

Porém, é muito importante fazer uma pesquisa bem detalhada sobre as empresas que mais se encaixarem com seu perfil. Afinal, na hora de empreender todo o cuidado é pouco, principalmente se tratando de franquias

Vale lembrar que esse modelo de negócio é funciona como uma cópia autorizada de uma marca consolidada no mercado. Assim, o franqueado tem a possibilidade de iniciar suas operações com movimento mais atrativo do que tivesse inaugurado um restaurante por conta própria, por exemplo. 

Para que essa parceria dê certo e ambas as partes consigam crescer com tranquilidade, é preciso que dois fatores sejam completados com tranquilidade. Inicialmente, é obrigação da marca oferecer treinamentos e suportes para garantir a transferência de todo o know how e expertise que adquiriu ao longo dos anos para o empresário. 

Em contrapartida, a função do franqueado agora é seguir as orientações e padronizações impostas pela franqueadora. Afinal, esse é o único jeito que as franqueadoras têm de garantir a qualidade do seus produtos em qualquer lugar em que estiver instalada.

Dessa forma, caso essas orientações não sejam cumpridas, o contrato pode ser cancelado por ambas as partes. Um contrato cancelado significa perda de investimento, por isso é tão importante fazer uma busca de qualidade para encontrar a melhor franquia de pizzaria.

O empreendedor também precisa ter em mente que o barato nem sempre é a melhor opção. É preciso encontrar o melhor custo-benefício com base nos seus objetivos a longo prazo. 

Faça um planejamento financeiro

O primeiro passo para encontrar a franquia de pizzaria barata é fazer uma busca completa por sites e portais especializados em franchising. Esses espaços contam com listas de marcas para diversos segmentos, inclusive para quem deseja ganhar dinheiro vendendo pizza. 

Uma dica importante para se fazer antes de começar a buscar as empresas, é definir qual será o seu limite. Ou seja, qual o mínimo e o máximo que está disposto a investir.

Essa margem vai facilitar a sua busca pelo melhor empreendimento diante do seu perfil. Caso não tenha uma ideia do valor que estará disposto, sugerimos que faça um exercício bem simples. 

Com base no seu poder de compra, basta identificar o dinheiro que tem disponível para fazer investimento e acrescentar mais 50%. Esse valor é referente ao máximo que é aconselhável para recorrer a um financiamento sem que comprometa o seu empreendimento. 

Caso queira trabalhar com uma porcentagem menor, também não há problema. Esse será apenas um guia para conhecer os empreendimentos que você tem condição real de entrar.

Em caso de sociedade, esse levantamento é mais simples. Basta somar o valor que cada um tem e levar em consideração a margem de que desejar para linha de crédito. 

Uma margem bem simples e fácil para encontrar a franquia de pizzaria barata. Se a franquia que sonha tenha um preço maior do que você prevê é aconselhável que aguarde mais um pouco para adquirir uma quantia maior para o investimento, ou encontre um sócio que queira suprir a diferença do negócio. 

Pesquise sobre elas em sites e redes sociais

Com as franquias separadas e listadas, chegou o momento de conhecê-las brevemente. Para isso, a recomendação é fazer uma busca nas redes sociais e descobrir como o público a enxerga. Certamente você irá encontrar reclamações e elogios em cada uma delas. Assim, cabe a você criar os seus próprios critérios para esse momento. 

Por exemplo, no senso comum é mais fácil demonstrar a insatisfação do que um elogio. Assim, muitas reclamações podem parecer apenas momentâneas e pontuais. Porém, você pode conseguir identificar um padrão nas críticas, o que demonstra que é algo mais complicado de ser resolvido ou ignorado pela marca. 

Outra prática que pode ser utilizada nesse momento de pesquisa nas redes sociais é ver se a franqueadora conta com consumidores defensores. Aqueles que respondem as críticas e elogiam a qualidade da pizza, atendimento etc. Esse simples levantamento irá fazer o seu funil ser ainda mais efetivo. 

Existe outras práticas para facilitar a sua busca pela franqueadora perfeita. Primeiramente, você pode acessar o site “Reclame Aqui” e observar o que é dito pelos consumidores ou até franqueados da marca. Além disso, você tem acesso as respostas da marca para os problemas apresentados e notas que avaliam o atendimento nessa situação. 

Visite outros franqueados

Franquia de pizzaria barata: amigos compartilhando uma pizza
Conhecer os produtos comercializados pela marca é fundamental para conseguir ter a opinião própria da pizza

Com a sua lista feita, o próximo passo para quem deseja abrir uma franquia de pizzaria barata é conhecer as marcas pessoalmente. Ou seja, ir até os estabelecimentos da sua região e consumir.

Só assim você terá ideia do que estará vendendo nos próximos anos e ainda tira suas próprias conclusões sobre a qualidade da pizza, atendimento, estrutura etc. 

Imagine a dor de cabeça que pode causar se você não experimentar o produto e descobrir que ele não é aquilo que acredita só depois de iniciar suas operações? Vender algo que não acredita é uma prática muito mais difícil, você precisa passar por cima de diversos valores conquistados ao longo da vida para manter o seu empreendimento vivo. 

Nesse primeiro momento, vá como consumidor mesmo, não pense apenas como empreendedor agora. Faça as observações como você faria em uma situação normal, analise o cardápio, os valores, a variedade de produtos, o sabor, qualidade dos ingredientes entre outros. 

Faça isso em todas as pizzarias que você estiver interessado em abrir. Porém, caso alguma franquia não esteja disponível na sua região ainda e você for o primeiro a levá-la, não há muito o que fazer a não ser confiar no que é dito por outras pessoas que já tiveram a oportunidade de comer no estabelecimento. 

Estude a Circular de Oferta de Franquia

Para conseguir encontrar a franquia de pizzaria barata é preciso estudar a Circular de Oferta de Franquia (COF) com cuidado e atenção.

Esse documento é responsável por apresentar diversos aspectos relacionados ao negócio como o histórico da marca, valores, taxas, treinamentos, suportes, balanço financeiro, pendências judiciais etc. 

Para que tenha acesso a Circular, é preciso entrar em contato com a franqueadora e demonstrar o seu interesse por abrir a franquia. Não existe um número máximo de marcas que você pode adquirir a COF, porém a recomendação é que não passe de três. Afinal, são muitas informações que podem acabar lhe confundindo. 

Além disso, não tenha pressa para estudar o documento. De acordo com a Lei de Franquias, ele deve ser entregue pelo menos 10 dias antes da assinatura do contrato, caso esse prazo não seja respeitado, o contrato é cancelado e o investimento perdido. Essa é uma maneira de proteger os futuros franqueados de sofrer algum tipo de pressão. 

Assim, uma dica muito valiosa é procurar um advogado para auxiliar você ao longo da analise da COF. Principalmente nas partes mais complicadas para um leigo. Você também pode consultar um contador para ajudar na analise das informações financeiras da empresa. 

Mantenha esses dois profissionais sempre por perto, eles serão fundamentais no decorrer da jornada. Sem contar que quanto mais eles souberem sobre o negócio que está abrindo, melhor para você durante o tempo. Principalmente quando falamos de abertura de empresa e prestação de contas, que pode ser burocrático para leigos. 

Converse com os franqueados da rede  

Por fim, uma informação presente nas Circulares de Oferta de Franquia é a lista com atuais e antigos franqueados dos último dois anos. Essa é uma lista de ouro para você tomar a decisão final de qual marca empreender. Mas infelizmente nem todos estão abertos a falar com você por achar que será um concorrente. 

É importante destacar que não é possível ser concorrente de outro franqueado, pois o contrato de cada um já delimita a área de atuação. Assim, você nunca terá um franqueado da sua rede de franquias roubando seus clientes e vice-versa. Caso encontre empresários com esse pensamento, tente explicar a situação e fazer perguntas objetivas. 

O mais importante desse processo é conseguir identificar todos os pontos importantes para finalmente tomar a sua decisão. A dica nesse caso é evitar de cair em debates, afinal o franqueado sabe mais do que você sobre a rotina do negócio e, querendo ou não, suas informações ainda são teóricas. 

No caso do ex-franqueados, busque entender o motivo que os fizeram deixar de empreender na área, como foi a experiência com a marca em questão, quais foram os pontos que fizeram ele desistir de continuar a empreitada. Não deixe de avaliar bem os pontos apresentados por ambas as partes. 

Ao final de cada entrevista, pergunte sempre se há algo que não foi perguntado e que a pessoa gostaria falar. Essa é uma técnica que irá ajudar a você ter acesso a outras informações valiosas. Sem contar que você não é obrigado a saber fazer todas as perguntas. 

Descubra as vantagens de investir em uma franquia de pizzaria

franquia de pizzaria barata: pizza de marguerita
Abrir uma pizzaria oferece diversas vantagens, principalmente se tratando de um alimento tão popular

Uma das primeiras questões que devemos observar ao empreender, seja em uma franquia de pizzaria barata ou outro tipo de negócio, é o movimento que o mercado tem feito nos últimos anos e a expectativa para o futuro. Nesse caso, não falamos de dinheiro e, sim, das tendências. 

Facilidade para mudar o cardápio

Por exemplo, no ramo alimentício existem questões que devem ser bem analisadas como o número de pessoas que estão optando por seguir as práticas veganas e vegetariana. Esse é um número, que segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) tem crescido a cada ano. 

Assim, podemos observar a primeira grande vantagem de abrir uma pizzaria. Por causa da sua variação e possibilidade de criar diversos sabores em questão de minutos, fica fácil para o empreendedor se adaptar aos novos consumidores. A única situação que precisa de um acompanhamento maior nesse caso são com relação aos veganos. 

As pessoas que são adeptas a essa forma de alimentação, não ingerem nada que tenha origem animal. Ou seja, queijo e ovo não podem ser incluídos em suas receitas, fazendo com que busque novas formas para substituí-los. E aqui entra a facilidade de ser uma franquia, considerando que essa é a obrigação da marca e tudo será pensado por eles.

Claro, que se você sentir uma necessidade de aumentar a sua demanda para esse público, nada impede de conversar com a franqueadora, por meio do suporte, e identificar quais as possibilidades podem ser feitas. 

Empreendimento mais seguro 

Como vimos, a franqueadora será responsável por todas as pesquisas e alterações no cardápio. Isso poupa o seu tempo e permite que foque 100% no desenvolvimento da sua unidade. Uma vez que não precisará se dedicar a fazer as pesquisas e alterações sozinho. 

É por causa dessa união entre franqueados e suporte que as franquias são considerados os empreendimentos mais seguros.

Para se ter uma ideia, um levantamento feito pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), identificou que apenas 15% dos franqueados fecham as portas antes de completar 10 anos. 

Agora, quando vamos observar a taxa de mortalidade das empresas abertas do zero, o número praticamente quintuplica. No mesmo período, o número chega a 75%.

Muito dessa segurança que encontramos neste empreendimento, se dá também nos treinamentos oferecidos pela franqueadora e feedbacks dos franqueados sobre o mercado. 

Empreendimento sem sazonalidade

Outra vantagem de investir em pizzaria é que esse alimento não sofre com sazonalidade. Não importa qual época do ano você está, sempre haverá pessoas querendo comer uma boa pizza. Esse é um produto que, por mais que tenha chegado apenas no século passado no Brasil, já faz parte da cultura dos brasileiros. 

Além disso, não há horário certo para comer pizzas. Não importa se no café da manhã ou da tarde, almoço, lanche ou jantar, qualquer hora do dia permite o consumo dessa massa. Inclusive, há pessoas que debatem se é melhor acordar e comer a pizza da noite anterior gelada ou quente. 

Essas são apenas alguma das vantagens de apostar em uma franquia de pizzaria barata. Se compararmos com outros empreendimentos do setor alimentício, certamente estará abrindo um negócio com mais potencial de crescimento. A pizza pode não ser o alimento preferido de muitas pessoas, mas é consumida por quase todas as pessoas. 

Observe o mercado para as pizzarias

Moedas representando o crescimento de um empreendimento
O mercado de pizzaria tem crescido todos os anos, não à toa o Brasil é o segundo que mais consome no mundo

Para se ter uma ideia de como o Brasil consome pizza, somos o segundo país do mundo que mais consome esse alimento, se estima que todos os dias são mais de um milhão de pizzas produzidas, sendo a cidade de São Paulo a que mais usufrui da tradicional receita italiana. 

O Brasil fica atrás apenas dos Estados Unidos, considerado o maior mercado. A paixão nacional permite que 95% das pessoas comem pizza regularmente, como mostra um levantamento feito pela ECD Food Service. Já os italianos ficam apenas em quarto lugar na pesquisa, ficando atrás ainda dos franceses. 

Voltando para o Brasil, mais da metade da produção de pizzas no país fica por conta do estado de São Paulo. Com um número tão alto de produção em 24 horas, o faturamento anual tem ultrapassado facilmente a marca de R$ 20 bilhões

Com números tão altos, é possível de se imaginar uma concorrência alta pelo paladar das pessoas. Se estima que existam pelo menos 36 mil pizzarias, segundo dados de um levantamento feito pela Universidade de São Paulo (USP). Mas se engana que isso é um problemas para quem pretende iniciar a jornada. 

Muito pelo contrário, esse é um mercado que ainda há muito para crescer e aceita cada vez mais empreendimentos. Lembrando sempre de levar em consideração o tipo de pizza que seu estado prefere e o tipo de pizza mais atrativo para a população da região. Por exemplo, em São Paulo se consome muita Marguerita e Portuguesa. 

Já em Porto Alegre, as pizzas de calabresa estão entre as favoritas. Já em Salvador, a tendência é que sabores ligados a peixe e frutos do mar são mais populares. Mas para que o seu negócio possa decolar, você também precisa considerar a estrutura que deseja. 

Como definir o tipo de franquia para pizzarias devo escolher?

Jovem pegando pizza a pedaço na pizzaria
Uma das opções de pizzaria são as fast food, onde se escolhe o sabor pronto e paga apenas o pedaço

Não é apenas os sabores e qualidade da pizza que devemos observar, apesar desse ser o primeiro ponto que analisamos até aqui.

A questão mais importante no seu processo de abertura da franquia de pizzaria barata é identificar o plano de negócio que case com as necessidades da região em que você pretende empreender. 

No Brasil existem diversas maneiras de comercializar a massa, encontramos facilmente opções para franquia de pizzas pré-assadas, pizza de cone e franquia de delivery. Cada região tem uma necessidade e cabe a você, futuro franqueado conseguir identificar essa oportunidade de negócio. 

Por exemplo, para bairros mais tradicionais e que não possuem uma vida noturna muito ativa, uma boa opção pode ser as pizzarias que trabalham apenas com entrega.

Isso exige uma pequena estrutura de cozinha e um profissional para levar o produto até seus clientes. Sem contar que atualmente isso pode ser ainda mais barato por causa dos aplicativos de delivery. 

Já para os locais da cidade que possuem um movimento moderado, você pode mesclar a entrega com a pizzaria à La Carte. Assim, será possível ter um espaço próprio para receber os clientes e ainda fazer a entrega para quem desejar. Lembrando que esse tipo de negócio as pizzas são comercializadas com base no cardápio. 

Agora, para os locais mais movimentados existem duas opções. A primeira é abrir uma com o conceito de fast food, muito tradicional nos Estados Unidos e que visa vender pedaços separados para o consumo imediato. Nesse empreendimento a saída de pizza precisa ser alta e, ao mesmo tempo, controlada para não ter prejuízo. 

Por fim, os restaurantes voltados para rodízio também são boas opções para quem deseja abrir uma franquia de pizzaria barata. A vantagem desse modelo é que ele também pode ser empregado no restaurante à La Carte.

Veja o perfil do consumidor e onde montar sua pizzaria

Para ter uma maior precisão na hora de conhecer as melhores oportunidades do mercado e juntar todas as informações que passamos até aqui, é preciso conhecer um pouco sobre a escolha do ponto comercial e o perfil dos consumidores de pizza, mesmo que isso pareça ser algo amplo e complicado. 

Essa atividade visa permitir que você desvende as condições em que pode entrar com a sua pizzaria. Ou seja, saber os pontos fracos dos concorrentes e as necessidades que os clientes da região tem enfrentado.

Assim, ficará fácil saber em que ponto irá se destacar. Concorrência não é motivo para se esconder, e sim uma oportunidade de crescimento. 

Pizza é consumida por todas as classes sociais e por pessoas de diversas idades, não existe limite nem para isso. Isso faz com que o seu alimento seja o centro de conversas entre amigos, encontros românticos, refeição em família etc. 

Com relação a escolha do seu ponto comercial, algumas franquias irão ajudar você a encontrar o melhor local com base no seu desejo. Dentro dessa análise, será levando em consideração o fluxo de pessoas, classe social, concorrentes etc. Em seguida, caberá a você apenas entrar em contato e negociar com o proprietário do local. 

Uma questão muito importante aqui é tomar cuidado para não fechar negócio com um espaço que exija mais investimento do que você está planejando. Cujo o trabalho será redobrado para deixa-lo dentro do padrão por causa de infiltrações, falha elétrica, paredes em mau estado etc. Não deixe de avaliar o aluguel também. 

5 franquias de pizzaria barata para investir

A seguir, separamos algumas opções de franquias de pizzaria baratas para você começar a sua pesquisa e encontrar a melhor opção.

São marcas que conseguem se encaixar em diversas características que apresentamos ao longo do texto. Sejam em um novo jeito de vender pizza ou estabelecimentos que se reinventam para atender as necessidade do público.

1. Fórmula Pizzaria

A Fórmula Pizzaria é uma empresa que nasceu em 2014 com o intuito de trazer massa com maior qualidade. Não à toa, em pouco anos a marca está presente em estados da região Sudeste e buscando expandir ainda mais a sua atuação. 

Ao todo, são mais de 40 sabores em seu cardápio, sejam doces ou salgadas. Sem contar nas sobremesas diferenciadas e calzones. Se mostrado uma empresa que se preocupa com todos, a Fórmula Pizzaria também oferece pizzas veganas para seus clientes. Sempre prezando pela qualidade e sabor diferenciado. 

Quem quiser abrir uma franquia da marca, pode optar por três opções de modelo de negócio, tendo todas as opção de delivery. O diferencial está na estrutura onde duas oferecem apenas a possibilidade de cozinha com capacidade de produção distintos. E a última voltada para a opção de restaurante também. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 99 mil
  • Faturamento médio mensal: aproximadamente R$ 70 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

A seguir, separamos um vídeo que mostra mais sobre a Fórmula Pizzaria e as vantagens de se tornar um franqueado. Assista. 

2. Pizza Studio

Trazendo um formato inovador para quem deseja vender pizzas no sistema de fast food, a Studio é uma marca estadunidense criada em 2013, com o intuito de permitir os clientes a montar a pizza que desejar. Com a ajuda de um funcionário, o cliente opta por diversas possibilidades de carne, queijo, legumes. 

Mesmo em pouco tempo de Brasil, desde 2019, a empresa possui unidades no Nordeste e Centro-Oeste. A agilidade do trabalho é outra coisa que merece destaque na Pizza Studio. Em aproximadamente três minutos, o produto está pronto para ser consumido. A marca permite apenas unidades físicas. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 540 mil
  • Faturamento médio mensal: não informado
  • Prazo de retorno: não informado

3. Pizza Crek

Com um conceito diferente de massa e buscando inovar quando se trata de pizza, a marca em questão criou sua própria receita. Assim, tendo sucesso diante do seu modelo de negócio proposto, a Pizza Crek conseguir se tornar presente em diversos estados no Brasil e no mundo. 

Em pouco mais de cinco anos de operação, são aproximadamente 55 unidades em território nacional e quatro no exterior. O sucesso veio também pelas diversas opções de sabores que a marca oferece, sendo elas salgadas, doces e light. Sempre de acordo com a necessidade do cliente.

Vale destacar que a Pizza Crek é servida com a massa enrolada e serve uma pessoa. Se tornado uma ótima opção para comer em qualquer lugar. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 245 mil
  • Faturamento médio mensal: aproximadamente R$ 100 mil
  • Prazo de retorno: entre 22 e 36 meses

4. Patroni Pizza

franquia de pizzaria barata: pizza de marguerita
A Patroni Pizza está no mercado desde a década de 1980 e possui diversas unidades espalhadas pelo Brasil

No mercado desde a década de 1980, a Patroni Pizza é uma das marcas mais tradicionais quando pensamos em franquia de pizzaria barata. Apesar de tanto anos de experiência, a empresa só decidiu entrar para as franquias em 2003, expandindo sua área de atuação para 140 lugares no Brasil. 

Apesar de ser reconhecida como pizzaria, a empresa também oferece outras opções de comida para seus clientes, como pratos montados com carne, arroz, feijão e batatas fritas. Essa é uma possibilidade a mais para aqueles franqueados que desejam focar o negócio em um restaurante à La Carte. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 200 mil
  • Faturamento médio mensal: aproximadamente R$ 135 mil
  • Prazo de retorno: entre 18 e 30 meses

5. Dídio Pizza

Com mais de 25 anos de história, a Dídio Pizza é uma franquia de pizzaria delivery que possui grande experiência no mercado de pizzaria.

A empresa é conhecida por estar sempre conectada e atualizada quando se trata de tecnologia em suas operações. O que acaba facilitando a gestão e controle do franqueado. 

Apesar de ser especializada em delivery, a marca conta mais de 20 estabelecimentos abertos em todo o Brasil e esperada chegar a um número superior a 200 nos próximos anos. Uma das questões que fazem da Dídio Pizza um empreendimento de sucesso são seus ingredientes selecionados. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 295 mil
  • Faturamento médio mensal: não informado
  • Prazo de retorno: não informado 

Como vimos ao longo do texto, abrir uma franquia de pizzaria barata não é uma atividade muito difícil.

Porém, é preciso ter bastante foco e cuidado para conseguir escolher as melhores opções disponíveis no mercado. Afinal, mesmo sendo um empreendimento seguro, os empreendedores ainda podem correr riscos. 

As franquias são modelos de negócios que exigem um acompanhamento muito próximo e mútuo das duas frentes. Porém, para conseguir encontrar qual a marca que melhor casa com o seu perfil, são diversas questões que podem ser observadas para facilitar a sua busca. 

Em um País que consome tanta pizza, não faltam marcas boas e capazes de oferecer um bom trabalho a você. 

Gostou do nosso conteúdo e deseja aprender mais sobre franquia de pizzaria barata? Continue a leitura por meio do artigo “Guia completo: franquias de pizzaria

*Informações publicadas em Setembro/2020. Os preços das franquias podem sofrer atualizações. Informe-se com a franqueadora da marca.

Autor: Rodrigo Brito
29 de setembro de 2020

Ficou interessado em alguma franquia?

Preencha o formulário e fale com um consultor das nossas marcas.

Matérias relacionadas: