fbpx
  • Compre sua Franquia:

    (31) 3654-5664

  • E-mail de Contato:

    franquia@encontresuafranquia.com.br

Franquia de roupa masculina: conheça 19 opções


A moda está em constante mudança, e isso bem é perceptível para quem investe em uma franquia de roupa masculina. O número de homens interessados no setor vem crescendo a cada ano.

Uma das grandes vantagens de se tornar um franqueado que atua com vestuário é não ter a obrigação de desenvolver uma coleção e pensar nas tendências do mercado. Essa responsabilidade fica por conta da marca da qual o investidor decidir fazer parte. 

Com o trabalho facilitado, o empreendedor precisa apenas se preocupar com sua gestão e administração do negócio. Esse é um dos principais atrativos do segmento, mas ainda existem outros que vamos pontuar no texto a seguir!

Além disso, também trouxemos as 19 melhores franquias de vestuário masculino e algumas dicas sobre como lidar com esse público. Acompanhe!

Por que investir em uma franquia de roupa masculina?

homem escolhendo uma roupa
Os homens estão cada vez mais presentes e interessados no mercado de moda.

O mercado da moda está em constante crescimento no Brasil, muito por causa da sua volatilidade. O setor está sempre mudando e criando novas tendências, permitindo que os empreendimentos tenham faturamentos expressivos devido à rotatividade de clientes. 

A Associação Brasileira de Franchising (ABF) divulgou um levantamento sobre o ano de 2019 e detectou mais um período de avanço do setor. O faturamento aumentou 5,7% e o número de franquias cresceu 1,8% no ramo.

Este foi o quinto ano seguido de crescimento. A tendência é que os números do setor, de forma geral, continuem evoluindo pelos próximos anos.

Um estudo da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), identificou que o comércio tende a crescer 3,1% anualmente. 

Voltando para o mercado masculino, a perspectiva também é muito boa. De acordo com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), nos últimos anos tivemos mudanças em relação ao comportamento dos homens em relação à beleza e bem-estar. 

O público masculino tem estimulado a moda a criar e desenvolver mais coleções e produtos de qualidade. Cerca de 54% dos homens buscam algum item que possam satisfazê-los.

Eles já movimentam bilhões no segmento e a expectativa é que esse cenário evolua ainda mais. 

Além disso, esse público vem se mostrando mais interessado em encontrar referências de moda na internet. A Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC) levantou que, no Google, o número de homens pesquisando sobre peças e estilo cresceu 49%. 

19 opções de franquia para roupa masculina

Por mais que o mercado voltado para moda masculina seja promissor, é importante que o empresário saiba bem em qual setor ele irá atuar. São diversos nichos e perfis de consumidores para atender. 

Definitivamente, é preciso estudar bem as opções, identificar com qual tipo de público-alvo está mais familiarizado e qual o negócio que mais se encaixa ao seu bolso. Separamos alguns exemplos abaixo. Acompanhe!

1. Artwalk

Considerada uma referência no mercado, a Artwalk é uma franqueadora voltada para outra vertente do setor de vestuário. Isso porque, ela é uma loja especializada na venda de tênis.

Presente nos principais shoppings das 15 cidades em que atua, a marca é totalmente consolidada entre os consumidores. Além disso, os franqueados contam com um suporte e know how para manter a unidade em plena expansão. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 300 mil
  • Faturamento ou rendimento médio mensal: não informado
  • Prazo de retorno: entre 28 e 36 meses

2. Overboard

Consolidada como uma loja multimarcas, a franquia Overboard é voltada especificamente para o estilo de vida ligado ao surf ou skate, conhecido como street wear. 

A marca investe constantemente em publicidade e marketing, apoiando atletas profissionais e amadores de ambos os esportes. Ela é uma das maiores patrocinadoras do país no surf e skate. 

Suas coleções são desenvolvidas e apresentadas a cada semestre, mantendo assim seu padrão de qualidade, o que diferencia a marca dos concorrentes do segmento. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 793 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 300 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

3. Mardelle

A Mardelle é uma marca mineira de moda íntima que surgiu há 25 anos. E, apesar de ser normalmente voltada ao público feminino, a empresa não se limita a esse tipo de peça.

Na verdade, ela possui produtos também direcionados aos homens. Como pijamas e cuecas.

Todas as peças são costuradas de uma forma que ofereçam o máximo de conforto para os usuários, além do tecido que contribui para essa sensação.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 135 mil
  • Faturamento médio mensal: até R$ 80 mil
  • Prazo de retorno: entre 18 e 24 meses

Para saber mais sobre o modelo de negócio da Mardelle, acompanhe o vídeo a seguir!

4. Sketch

A franquia de roupa masculina Sketch está no mercado desde a década de 1990. De Belo Horizonte, Minas Gerais, a marca mineira começou a expandir a sua área de atuação por meio do modelo de franchising. 

A ideia da empresa é atuar em um setor que sofre com lacunas: a moda exclusiva para homens. Ela atrai franqueados graças ao seu modelo de negócio sólido, confiável e com bom rendimento. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 330 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 100 mil
  • Prazo de retorno: não informado

5. Polo Wear

A Polo Wear é uma marca responsável por oferecer produtos de alta qualidade e conforto. Sempre agregando valor e entregando ótimo custo-benefício para seus clientes. 

Esse comportamento fez com que a empresa entrasse para o grupo Top Brands Fashion, uma holding com mais de 30 anos de atuação no mercado de roupas. 

Atualmente, são mais de 20 franquias e cerca de 250 revendedores, que oferecem produtos que mesclam o casual com o esportivo. Simultaneamente, a marca atende mulheres e crianças de todas as idades. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 750 mil
  • Faturamento médio mensal: não informado
  • Prazo de retorno: não informado

6. Reserva

A Reserva é uma marca que atua no mercado de roupas masculinas desde 2004. Natural da cidade do Rio de Janeiro, a empresa já esteve presente em grandes eventos de moda, como a Fashion Rio. 

O objetivo agora, no mercado de franquias, é tornar a marca reconhecida no mundo pelo seu modo de tratar os clientes, a qualidade de seu vestuário e o tipo de atendimento diferenciado no setor. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 600 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 100 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 30 meses

7. Zak One

Mais uma marca mineira no mundo do vestuário, a Zak está presente no mercado de moda masculina há 50 anos. Recentemente, ela lançou sua linha para homens entre 20 e 35 anos, a Zak One.  

O grande diferencial da marca é oferecer produtos com costuras e designs inovadores, proporcionando qualidade e conforto para seus consumidores. Ela também proporciona aos seus franqueados várias coleções por ano. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 450 mil
  • Faturamento ou rendimento médio mensal: não informado
  • Prazo de retorno: entre 30 e 36 meses

8. Samello

Tendo como principal foco a venda de calçados masculinos, a marca Samello também atua na venda de acessórios de couro para o público feminino, como cintos e carteiras.

Atuando com as marcas mais reconhecidas do mercado, durante toda sua história a empresa buscou inovar e se posicionar como uma lançadora de tendências. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 290 mil
  • Rentabilidade média mensal: a partir de 12% sobre o faturamento bruto
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

9. Âncora

Desde 2016 no mercado, a Âncora é uma marca jovem com espírito empreendedor, o que a diferencia das demais marcas concorrentes. Em poucos anos, a franqueadora conseguiu aumentar a sua demanda e se multiplicar em 30 unidades.

A empresa mineira possui a maioria de suas franquias dentro do estado. O próximo objetivo é expandir para as demais regiões do país. Por isso, a marca vem investindo em marketing e marcando presença em vários eventos. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 55 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 250 mil
  • Prazo de retorno: entre 12 e 24 meses

10. Camelo

manequim com palito sendo medido
A franquia de roupa masculina Camelo é uma das mais tradicionais do mercado.

Voltada para o mercado de alfaiataria, a Camelo está há mais de 75 anos cuidando de seus clientes. Ela oferece vestimentas de extrema qualidade para o homem, para o trabalho e o lazer. 

As coleções são lançadas mais de uma vez por ano e visam auxiliar na reposição contínua de produtos diversificados. A marca utiliza materiais nobres em todos os produtos, inclusive nos acessórios e calçados que oferece.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 366 mil
  • Faturamento ou rentabilidade média mensal: não informado
  • Prazo de retorno: entre 20 e 26 meses

11. Authentic Feet

Criada na cidade de São Paulo em 1995 e já operando em vários lugares no Brasil, a Authentic Feet é uma marca voltada para o segmento fitness.

A empresa não possui uma fábrica própria, mas tem em seu portfólio marcas conceituadas como Nike, Adidas, Mizuno, Puma etc.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 310 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$180 mil
  • Prazo de retorno: entre 28 e 36 meses

12. Casa das Cuecas

Voltada exclusivamente para moda masculina, a Casa das Cuecas possui diversos produtos, que inclusive vão além do que o nome sugere. Não à toa ela está há mais de 50 anos atuando no setor. 

Em seu portfólio estão conjuntos, meias, sungas, camisetas, acessórios e, claro, roupas íntimas. Seja para crianças, adultos ou os usuários considerados plus size. Neste momento, a empresa soma mais de 10 unidades espalhadas pelo Brasil.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 300 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 120 mil
  • Prazo de retorno: entre 30 e 36 meses

13. Stalker

Com uma proposta de entregar produtos que possam representar a ideia do homem livre e que não se importa com sua idade, a Stalker é uma marca que decidiu entrar no mercado em 1998.

O nome da franquia de roupas masculinas traz o conceito de que o homem moderno deve perseguir seus objetivos com o estilo que o faz sentir bem. Pensando dessa forma, a empresa conseguiu se expandir e inaugurar mais de 20 unidades franqueadas. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 210 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 85 mil
  • Prazo de retorno: entre 36 e 48 meses

14. Estivanelli

A marca Estivanelli busca sempre se reinventar e apresentar para seus consumidores produtos com matérias-primas de qualidade. Com vestimentas cheias de tecnologia, a empresa vem se espalhando pelo Brasil.

Voltada totalmente para a grife masculina, desde 1993 a franquia é considerada uma referência para o seu público. Principalmente pelo seu atendimento personalizado e peças para todos os momentos

  • Investimento inicial: a partir de R$ 302 mil
  • Faturamento médio mensal: até R$ 110 mil
  • Prazo de retorno: entre 36 e 60 meses

15. Skyler

Desde 1997 atuando no mercado, a franquia de roupa masculina Skyler possui uma rede com aproximadamente 40 lojas espalhadas pelo Brasil. A principal vantagem da marca são seus produtos pensados no conforto dos usuários. 

Atualmente, são desenvolvidos mais de 500 modelos por coleção, sendo duas por ano. As peças variam entre os conceitos de básico, casual e premium.

Para o franqueado, é a chance de trabalhar com um modelo de negócio voltado para a experiência do usuário. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 300 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 250 mil
  • Prazo de retorno: entre 20 e 36 meses

16. Mormaii

surfista na beira do mar com vestimenta de uma franquia de roupa masculina
A Mormaii é uma franquia que trabalha apenas com roupas ligadas ao surf.

Apontada como bastante lucrativa, a Mormaii trabalha com uma gama de produtos que vão de roupa a óculos voltados para o surf. Atualmente, são mais de 50 mil pontos de vendas espalhados pelo mundo. 

Presente no franchising desde 1985, a marca conta com 5 mil produtos disponíveis para seus consumidores e trabalha com baixa concorrência, o que torna o empreendimento atrativo. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 69 mil
  • Rentabilidade ou rentabilidade média mensal: não informado
  • Prazo de retorno: não informado

17. Tevah

Uma das marcas líderes do segmento, a Tevah é uma franquia de roupas masculinas que atua desde 1959. Sempre antenada às tendências do seu público-alvo. 

Utilizando de software para manter o seu padrão de qualidade, a empresa já confecciona calças, camisetas e outros produtos da linha de produção, ampliando a qualidade das suas peças. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 227 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 145 mil
  • Prazo de retorno: entre 18 e 36 meses

18. Coca-Cola Jeans

Por meio da junção da mundialmente conhecida Coca-Cola com o grupo AMC Têxtil nasceu, em 2004, a franquia de roupa Coca-Cola Clothing. O seu objetivo é vender um estilo de vida com produtos despojados, modernos e conceituais.

Atualmente, ela conta com mais de 20 unidade pelo país e lança todo ano uma coleção com, aproximadamente, 2.600 peças. Não só para o público masculino, mas para mulheres também.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 400 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 150 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 30 meses

19. Fatto a Mano

A Fatto a Mano é uma marca de alfaiataria totalmente dedicada ao público masculino e com grande tradição no mercado. Desde 1987 atuando, ela é famosa por comercializar camisas e roupas sociais com detalhamento e acabamento diferenciado. 

Referência nesse tipo de vestuário, a franqueadora já conta com mais de 100 franquias em todo o Brasil e um dos melhores markups — preço do produto em comparação com o custo de produção — da área. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 75 mil
  • Faturamento médio mensal: até R$ 70 mil
  • Prazo de retorno: entre 18 e 36 meses

Dicas para se dar bem com sua franquia de roupa masculina

O público masculino tem algumas particularidades. De acordo com uma pesquisa realizada pela Euromonitor International, os homens não se interessam muito por produtos designados como premium ou que remetem a algo extraordinário. 

Outra informação importante é sobre a fidelização dos homens. Eles não se importam com marcas conhecidas, desde que elas ofereçam algum tipo de conforto. E o empreendedor não precisa se preocupar em oferecer o valor mais baixo do mercado.

Se o negócio apresentar produtos com as características acima, 60% do público masculino não se importará de pagar mais caro. 

Diante das pesquisas apresentadas ao longo do texto, podemos observar um mercado com alta expectativa e potencial. Ainda mais por causa dos últimos anos, em que houve crescimento do setor.

Gostou e deseja entender mais sobre o universo do franchising para abrir uma franquia de roupa masculina? Baixe nosso ebook “Como abrir uma franquia de sucesso”!

ebook como abrir uma franquia de sucesso

*Informações publicadas em Agosto/2020. Os preços das franquias podem sofrer atualizações. Informe-se com a franqueadora da marca.

Autor: Rodrigo Brito
20 de março de 2020

Ficou interessado em alguma franquia?

Preencha o formulário e fale com um consultor das nossas marcas.

Matérias relacionadas: