fbpx
  • Compre sua Franquia:

    (31) 3654-5664

  • E-mail de Contato:

    franquia@encontresuafranquia.com.br

Franquia: vantagens e desvantagens de investir


As vantagens e desvantagens de uma franquia são diversas, e precisam ser bem avaliadas na hora de abrir um negócio. Colocando pontos positivos e negativos na balança, será mais simples definir se esse tipo de empresa é mesmo o ideal para você.

Um dos pontos atrativos das franquias é o seu mercado, que não para de crescer. Segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), só em 2019, o ramo de franquias teve faturamento de R$ 186,7 bilhões. 

Em relação ao ano anterior, o aumento foi de 6,8%, com crescimento de 4,7% no número de unidades. São 2.918 redes de franquias no Brasil, em 11 setores classificados pela própria ABF.

Entre esses, o setor de Alimentação é que mais se destaca. Seu faturamento foi de R$ 48,3 bilhões também em 2019, contra R$ 34,2 bilhões do segundo colocado (o segmento de Saúde, Beleza e Bem-estar).

Todos os dados indicam o alto potencial de retorno de uma franquia. Mas, na hora de escolher a marca ideal, é importante não avaliar apenas o lucro previsto para o negócio.

Isso porque, é essencial ter interesse no setor no qual você vai investir. Quando não se sente atraído pela atividade, o empreendedor acaba perdendo interesse em investir seu tempo e dinheiro. Essa é uma das razões comuns para o fracasso das empresas.

Dito isso, é hora de te apresentar as vantagens e desvantagens de uma franquia. Continue lendo!

4 vantagens de uma franquia

São várias as vantagens de investir em uma franquia, e elas podem variar conforme a franqueadora. Afinal de contas, algumas marcas têm regras ainda mais benéficas ao empreendedor, como treinamentos extras e diferenciados.

Esses diferenciais ficam listados na Circular de Oferta de Franquia (COF) da empresa. Então, é essencial ler o documento com cuidado antes de adquirir uma unidade. Dessa forma, você terá maior segurança no investimento.

De qualquer forma, existem benefícios comuns em toda a rede de franchising brasileira. Ou seja, vantagens do sistema como um todo, e não apenas de uma marca. Listamos algumas delas logo abaixo.

1.Plano de negócio

Sem dúvida, esse é uma das principais vantagens de uma franquia. Ao adquirir um negócio deste tipo, o empreendedor recebe todo o plano de negócio da marca. Ou seja, o seu planejamento de produtos, serviços e produtos.

Em uma franquia, basta apenas colocar o plano predeterminado em prática. Como ele já passou por erros em outras unidades, já terá sido corrigido sempre que necessário. Então, suas chances de erro hoje serão bem menores, potencializando sua capacidade de sucesso.

Para se ter uma ideia, apenas 5% das franquias fecham as portas após dois anos de operação. No caso dos negócios abertos do zero, essa porcentagem sobe para 23%.

2.Suporte da franqueadora

call center
Suportes de marketing e comercial costumam ser realizados por telefone ou meios online.

Para que o negócio seja colocado em prática, a franqueadora oferece uma série de suportes ao franqueado. Começando pelo suporte de marketing, com conteúdo para as redes sociais e design de materiais gráficos. 

Com esse apoio, o empreendedor encontra maior facilidade em divulgar a sua unidade. Algo importante para atrair.

Outro suporte comum é o comercial, com dicas, por exemplo, sobre como angariar parcerias e fidelizar consumidores de empresas e condomínios.

A análise de ponto comercial também contribui bastante para o negócio. Normalmente, as franqueadoras utilizam de um estudo de geomarketing para a escolha do melhor local.

Por meio dele, são avaliados aspectos como a facilidade de acesso à localidade e a presença do público-alvo da franquia.

Ainda podemos citar suportes como o apoio jurídico e, claro, o treinamento do franqueado. Com aulas on-line e presenciais, o novo empreendedor aprende a como atuar mantendo os padrões da marca.

Alguns desses suportes podem variar segundo a franquia escolhida. Por isso, é importante verificar a sua COF e ter a certeza sobre o quê você poderá contar.

3.Fornecedores homologados

A padronização das unidades é essencial em um sistema de franquias. Afinal, é importante que o cliente encontre os mesmos produtos, serviços e atendimento em qualquer unidade da marca. Isso aumentará sua confiança e fidelidade ao negócio.

Pensando nisso, as franqueadoras estabelecem fornecedores homologados dos seus produtos. Assim, qualquer franqueado terá acesso aos mesmos equipamentos e insumos.

Além de facilitar a compra, ter um fornecedor homologado costuma garantir preços melhores ao franqueado. Com toda a rede fazendo compras com essa empresa, os preços ficarão mais em conta para cada empreendedor.

4.Atração do consumidor

Uma franquia conta com o benefício de já ter sua marca conhecida. Isso aumenta a confiança do consumidor no negócio e o atrai para ele.

E isso acontece não só com as grandes marcas. Na verdade, o usuário pode apenas pesquisar sobre seu nome na internet — 97% deles fazem pesquisas antes de qualquer compra. 

Dessa forma, o usuário consegue verificar que a marca possui um histórico, mesmo que não tenha sido com a sua unidade. O resultado será a percepção de que seu negócio tem algo a oferecer. Se a marca não tivesse atrativo, não estaria sendo replicada, certo?

Principais desvantagens de uma franquia

Basicamente, existem duas desvantagens de adquirir uma franquia. Mas essas são desvantagens “controláveis”, e necessárias para que o sistema de franchising funcione bem. Veja abaixo.

Taxas

Existem algumas taxas básicas para a aquisição e manutenção de uma franquia. Começando pela Taxa de Franquia, que precisa ser paga à franqueadora para a aquisição do negócio.

Esse valor é quitado uma única vez e estabelece a relação entre franqueado e franqueadora. É ele também que garante ao franqueado acesso aos treinamentos do negócio.

Depois, para manter essa relação, as franqueadoras cobram royalties. Essa taxa precisa ser paga periodicamente, normalmente de forma mensal. Veja um pouco mais sobre ela no vídeo abaixo!

Além disso, há o Fundo de Propaganda. Com essa taxa, o empreendedor garante que a sua unidade terá amplo suporte de marketing. Inclusive com a realização de campanhas amplas, que atenderão a todos os franqueados.

Outras taxas e obrigações do franqueado também podem aparecer na COF da franquia. De novo, é essencial verificá-la.

Conheça outros valores associados à uma franquia clicando aqui.

Flexibilidade limitada

Como explicado antes, uma franquia preza pela padronização das suas unidades. Isso garante que a marca ofereça exatamente os mesmos produtos e serviços, independentemente de onde esteja. 

Além de tornar o negócio mais seguro, esse modelo atrai clientes que sabem exatamente o que esperar do negócio.

Por esse motivo, a flexibilidade de atuação com a marca é limitada. Isso significa que o empreendedor não pode, simplesmente, incluir um novo atendimento ou serviço em seu catálogo. Em vez disso, ele deverá seguir apenas o proposto pela franqueadora.

Em todo o caso, é sempre possível dar sugestões à dona da marca. Então, se tiver novas ideias de atendimento o divulgação, o empreendedor deverá entrar em contato com a marca.

A franqueadora está sempre disposta a avaliar sugestões que melhorem o trabalho de toda a rede.

Como avaliar as vantagens e desvantagens da franquia?

Agora que você já sabe quais as vantagens e desvantagens de uma franquia, deve estar se perguntando se vale mesmo a pena abrir esse tipo de negócio.

Nossa resposta é: sim, vale. Mas você precisa estar disposto a seguir as regras de uma rede. Ao adquirir uma franquia bem-sucedida, você terá acesso a um plano de negócios que já faz sucesso. Seguindo as regras dessa rede, você também terá grandes chances de sucesso.

De qualquer forma, comparamos franquias e negócios iniciados logo abaixo, considerando as vantagens e desvantagens citadas. Acompanhe!

Plano de negócio

Em uma franquia, o plano de negócios já passou por diversos testes. Em um negócio comum, porém, o plano sofrerá erros e precisará ser corrigido ao longo do caminho. Isso atrasa o sucesso do empreendimento.

Suporte da franqueadora

A menos que contrate uma consultoria empresarial, o empreendedor não terá nenhum suporte ao abrir um novo negócio.

Algo bem diferente do que acontece em uma franquia, já que a franqueadora oferece uma série de suportes ao franqueado. Como de marketing, comercial e para escolha do ponto.

Fornecedores homologados

Em um negócio comum, sempre é possível estabelecer parcerias com fornecedores. Isso tende a diminuir os custos dos equipamentos e insumos, pois você será um consumidor frequente.

Porém, dificilmente a quantidade adquirida por você será tão grande quanto uma rede de franquias. Isso diminui o potencial de negociação dos preços de insumos pela sua empresa.

Atração do consumidor

Claro que é sempre possível atrair os consumidores a uma empresa nova. Mas essa tarefa, especialmente de marketing, é um pouco mais simples com uma franquia. 

Taxas

Com uma empresa nova, não é preciso arcar com valores mensais para a franqueadora. Ainda assim, a empresa terá uma série de outras despesas, inclusive para o marketing e suporte comercial. Sem contar as mais simples, como as contas de luz, água e aluguel.

Flexibilidade limitada

Ao iniciar um negócio do zero, o empreendedor tem total liberdade para fazer o que quiser com ele. Experimentar novos produtos e serviços, mudar seu projeto visual etc. 

Essa é uma ótima oportunidade, mas também requer mais trabalho. Afinal, será preciso descobrir o que dá certo para só então atrair os consumidores e alcançar lucros.

E então, ficou interessado em investir em uma franquia? Então, saiba mais sobre esse tipo de negócio no nosso guia completo sobre o assunto! Basta clicar no banner abaixo.

ebook tudo sobre franquias
Autor: Karen Costa (Editora Encontre Sua Franquia)
31 de março de 2020

Ficou interessado em alguma franquia?

Preencha o formulário e fale com um consultor das nossas marcas.

Matérias relacionadas: