fbpx
  • Compre sua Franquia:

    (31) 3654-5664

  • E-mail de Contato:

    franquia@encontresuafranquia.com.br

Fundo de propaganda em franquias: tudo que você precisa saber


Fundo de propaganda é algo estranho para você? Sabia que esse é um dos valores existentes nas franquias e faz parte dos custos que permitem ao franqueado o suporte de divulgação da marca?

Existem algumas taxas envolvidas na aquisição das franquias que permitem ao franqueado a possibilidade de receber suporte em todas as etapas do negócio. Essa é a principal vantagem em investir no modelo de negócio.

Por trás das franqueadoras, existe toda uma estrutura voltada para oferecer as melhores condições de acompanhamento aos empresário e que geram custos, tais como pagamento de funcionários, tecnologias envolvidas, sistemas de captação entre outros que são custeados pelo fundo de propaganda.

Além de focar na divulgação da marca a fim de fortalecê-la junto a rede, para compreender melhor a estrutura e os processos continue lendo esse material que criamos para esclarecer todas as suas dúvidas!

O que é fundo de propaganda?

pessoas em reunião
O fundo de propaganda corresponde aos serviços de marketing para a rede de franquias

Também conhecido como fundo de publicidade ou de marketing, essa reserva nada mais é do que o valor que as franqueadoras arrecadam mensalmente para investir na divulgação da marca de forma institucional.

Sendo assim, a cobrança pode ser utilizado tanto para divulgação, quanto para criar estratégias de marketing para melhorar a geração de novos usuários, fortalecendo a imagem da franquia e aumentando o potencial de compra e vendas de produtos e serviços.

Atualmente, essa é uma estratégia fundamental e muito utilizada pelas franqueadoras e demais empresas. Principalmente quando se trata de desenvolvimento do marketing digital e de conteúdo.

É normal que os valores cobrados possam variar entre um percentual de ganhos da franquia ou um valor fixo estabelecido pela franqueadora. Esse é um dos principais valores envolvidos na para fazer parte do modelo de negócio.

Por falar em franquias, quer reforçar o seu conhecimento sobre o setor e saber tudo sobre, como funcionam, o que são e mais? Aproveite e assista neste vídeo!

Como são investidos os valores do fundo de propaganda?

Os valores recebidos pelo fundo de propaganda financiam todas as ações que favorecem a divulgação da rede. Eles são utilizados de forma geral para todas as franquias e não para cada uma de forma específica.

Conforme mencionamos acima, são custeadas todas as estratégias que favoreçam o crescimento da marca e que busquem expandir as ações de desenvolvimento com a prospecção de novos clientes, como as ações de marketing. Dessa forma o benefício é agregado para ambas as partes, franqueadora e franqueado.

A quantia é praticamente um valor irrisório se comparado com outros gastos que envolvem a contratação de um profissional específico para isso, por exemplo. Isso porque os valores são rateados entre todos os franqueados da rede. Além de garantir resultados precisos para o desempenho do empreendimento.

Sem contar que atualmente é essencial que as empresas se posicionem no mercado com estratégias de marketing para sair na frente dos concorrentes. Saiba mais sobre a estruturação do fundo de propaganda nas orientações da Associação Brasileira do franchising(ABF).

Fundo de propaganda – Cobrança regulamentada

Assim como todas as demais cobranças feitas pelo sistema de franquias, existe uma regulamentação disposta na lei n°13.966/19 o fundo de propaganda está previsto no artigo 2, inciso IX, alínia “C”.

Da mesma forma que as outras taxas, a norma não exige valores específicos mas estabelece que tais cobranças sejam esclarecidas e mencionadas obrigatoriamente em contrato.

Ainda sobre a regulamentação da cobrança, é possível que o franqueado solicite pelo menos uma vez ao ano a prestação de contas da utilização do fundo de propaganda .

Sobre a Lei de Franquias vale lembrar que ela foi criada em  15 de dezembro de 1994 a partir de uma necessidade dos empresários para que suas empresas tivessem maior segurança jurídica nas relações entre com os franqueados.

Recentemente, em março de 2019 a lei passou por algumas alterações para restabelecer e reforçar as informações e a clareza na indicação das regras previstas aos franqueadores e franqueados.

Outras taxas são cobradas no sistema de franquias?

cobranças adicionais
Os custos envolvidos nas franquias servem de custeio para as despesas da prestação dos serviços

Além do fundo de propaganda, existem outros custos envolvidos na aquisição de uma franquia para manter serviços que são prestados aos franqueados. Entre eles estão as taxas de franquia e os royalties.

Entre outras taxas mencionadas em contrato, é importante que o franqueado fique atento a cobranças de serviços que são independentes, como abertura de registro, as cobranças de despesas de funcionamento da franquia, como aluguel, por exemplo.

Para que você esteja ciente e saiba mais sobre a necessidade dos valores esclareceremos á seguir!

Taxa de Franquia

Um dos principais valores cobrados pela franqueadora no ato da aquisição de uma unidade é a Taxa de Franquia, esse valor é cobrado assim que o contrato é assinado junto a franqueadora.

Ela corresponde ao direito de uso da marca e imagem para implantação de uma nova unidade.  Podemos dizer que a quantia corresponde a remuneração ao franqueado pelo desenvolvimento do negócio que já foi preparado para auxiliar o empresário.

É possível que estejam inclusos nessa taxa, valores correspondentes ao treinamento inicial, análise de viabilidade para instalação do ponto, auxílio na inauguração da loja etc.

Dessa forma, é importante avaliar em contrato o que corresponde a taxa para que possa acompanhar se serão fornecidos todos os acordados que forem mencionados.

Royalties

Os royalties são cobranças mensais referentes tanto a utilização da marca, quanto a transferência de know how. Ou seja, a experiência adquirida pela marca que é repassada ao franqueado para que ele continue desenvolvendo o mesmo planejamento que funciona na sua empresa.

Essa cobrança mensal é feita durante todo o tempo de vigência do contrato, esse valor também é investido em inovação e tecnologia para a empresa de forma geral. Além disso, também tem o papel de cobrir despesas de investimentos em pesquisa de novos produtos e serviços para melhorar a qualidade da marca.

Também servem para custear despesas para os franqueados como ações, treinamentos, atualizações de manuais, convenções entre outras.

Os royalties são calculados de forma diferente dependendo do tipo da franquia, podem ser baseados no faturamento bruto mensal quando a franquia não fornece produtos, por exemplo, o percentual de cobrança é menor e varia entre 4% a 10%.

Já nas franquias que fornecem e ou fabricam os produtos, a cobrança é maior e é calculada em cima das comprar realizadas mensalmente, podendo variar entre 20% a 40% em cima das compras.

Capital de giro

Um taxa que tem total importância no processo de aquisição de uma franquia, é o capital de giro e deve fazer parte do planejamento de todo negócio. Afinal, esse é o valor que deve ser reservado para manter a empresa funcionamento nos primeiros meses. 

Isso porque a franquia inicia o negócio e só vai ter resultados meses depois, quando começa a cobrir as despesas com base nos resultados do seu faturamento. Porém, até que isso aconteça, ela precisa se manter sem que prejudique as demais atividades.

Esse valor deve ser mantido inclusive como uma reserva para possíveis imprevistos ou compra de insumos, pagamentos de despesas decorrentes como aluguel, água, luz, telefone etc.

Algumas franquias já determinam esse valor no ato da aquisição do negócio, outras não. Mas independente se a rede cobrar é importante que o franqueado tenha essa preocupação até que esteja equilibrada com as contas.

Montagem e instalação de loja

taxa de reforma t
A taxa de reforma está relacionada a adequação do ponto físico de uma loja

Uma  outra taxa que deve ser planejada é a de montagem e instalação de loja para os casos em que a franquia for um ponto físico. Esse valor é referente  a montagem e reestruturação do imóvel .

Essa quantia é necessário para adequação do ponto com os padrões exigidos pela rede. Algumas franquias cobram o valor já na aquisição enquanto outras preferem primeiro analisar a escolha do ponto.

Vale lembrar que valores referentes a despesas como reforma, aluguel e mão de obra para execução não estão inclusos e devem ser previstos pelo franqueado.

Uma dica que deve ser seguida  a risca é que antes mesmo de adquirir uma franquia você precisa pesquisar bastante sobre o setor e o que deseja investi.

Primeiramente, ler bem o documento que será apresentado no momento em que entrar em contato co a franqueadora, antes mesmo de fechar o negócio.

Você receberá a Circular de Oferta de franquia (COF).  Nesse documento constatará todas as informações sobre a marca como as taxas, histórico, pendências judiciais etc.

Se tiver alguma dúvida, peça auxilio de um profissional do direito para ajudá-lo a esclarecê-las, assim terá mais confiança e segurança no ato de escolher pela franquia que deseja investir.

Compreendeu sobre as taxas que são cobradas na franquia e a importância do fundo de propaganda? Essa e outras taxas fazem parte da estruturação do negócio e dos benefícios que ele trás ao franqueado.

Em relação a custo-benefício as franquias são sem sombra de dúvidas muito mais seguras e eficientes do que simplesmente abrir um negócio sem orientação. Quer saber mais sobre as franquias e como se manter atualizado? Assine a nossa newsletter e fique sempre por dentro do franchising!

Autor: Denise Melo
15 de Maio de 2020

Ficou interessado em alguma franquia?

Preencha o formulário e fale com um consultor das nossas marcas.

Matérias relacionadas: