fbpx
  • Compre sua Franquia:

    (31) 3654-5664

  • E-mail de Contato:

    franquia@encontresuafranquia.com.br

Encontre sua Franquia

Guia completo: franquias de pizzaria


Que tal investir em franquias de pizzaria? Acompanhe o texto e descubra tudo o que você precisa sobre essa opção de negócio.

Franquias de pizzaria integram um setor cheio de rendimentos e possibilidades. Só no franchising, o ramo de Alimentação, do qual as pizzas fazem parte, teve faturamento de R$ 45,8 bilhões em 2018.

De acordo com a Associação Brasileira de Franquias (ABF) já no segundo trimestre de 2019, o setor de franquias de alimentação apresentou destaque com faturamento acima de R$ 10 bilhões.

É fato: apesar de esta ser uma comida tipicamente italiana, o brasileiro tem um caso de amor com a pizza. Para que você tenha ideia, pesquisas feitas pela Associação de Pizzarias Unidas do Estado de São Paulo (Apuesp) mostram que, diariamente, são produzidas um milhão de pizzas no País!

Basicamente, o sucesso desse tipo de empresa é garantido, especialmente se o negócio for uma franquia.

No franchising, o empreendedor tem a segurança de apostar em um modelo já testado. Ao mesmo tempo, conta com todo o suporte oferecido pela franqueadora. Isso faz com que o investidor consiga iniciar seu negócio com um know-how já estabelecido, algo que levaria anos para ser obtido em uma empresa iniciada do zero.

Ficou interessado em investir nesse segmento? Confira, então, um guia completo sobre franquias de pizzaria e faça a escolha certa!

Quais as opções para oferecer em uma franquia de pizzaria?

franquias de pizzaria fast food
A opção de franquias de pizzaria fast food o consumo é rápido e mais acessível

Antes mesmo de falarmos sobre opções de serviço para uma pizzaria vamos falar um pouco de como ela surgiu. 

Ao contrário do que muitos pensam a pizza não foi ideia dos italianos. Existem informações de que ela surgiu há mais de seis mil anos atrás e era consumida tanto pelos hebreus quanto pelos egípcios. 

A massa era feita apenas com água e farinha como uma espécie de pão sírio que usamos hoje, e tinha o nome de “piscea”. Assim surgiu o nome de pizza que foi uma adequação do nome original. 

Muito tempo depois a pizza chegou à Itália onde inicialmente era consumida no café da manhã, mais parecida com um pão recheado com tomates. Comercializavam muito nas padarias e no comércio de rua.

No Brasil as pizzas chegaram por meio dos imigrantes italianos que centralizavam o consumo nas colônias. Rapidamente foram espalhando a ideia e logo alcançou todo o país.

De lá pra cá elas se tornaram uma opção saborosa e muito bem quista por todos os brasileiros e em todo mundo.

Criaram variações da pizza e hoje existem vários formatos de venda e consumo. O produto na verdade é o mesmo mas a forma de servi-lo é que mudou possibilitando um leque maior de opções e preços.

Opções de atendimento

São várias as opções de investimento de negócios voltados ao setor de pizzaria. Abaixo vamos apresentar basicamente o que cada um oferece, assim você já amplia a sua ideia de negócio e o tipo de publico deseja atender. Acompanhe.

Pizzaria à La Carte : Modelo tradicional oferecido em cardápio onde o cliente escolhe pelo sabor e tamanho. Neste formato o ideal é que seja uma pizzaria de pequeno ou médio porte.

Rodízio :Na opção de rodízio são oferecidos diversos sabores onde o cliente paga um preço pelo rodízio e tem a oportunidade de experimentar vários ou todos os sabores que estiverem disponíveis. 

Fast Food : Nas fast food  são oferecidos por pedaço, onde o cliente tem a opção de escolher o sabor e comprar apenas a fatia, por sem mais acessível permite maior circulação de pessoas e o consumo imediato.

Delivery :Funciona como entrega a domicílio. Muitas vezes disponibilizam apenas no modelo de entrega onde o cliente liga e solicita para consumir em casa. 

Essas são as possibilidades de um modelo de negócio para pizzaria. As opções podem variar de acordo com local e demanda dos clientes. Os formatos também mudam sendo maiores e mais completos ou com menor investimento e maior rotatividade de clientes. 

Basta escolher a franquia com as características que atendam a sua necessidade de investimento. 

Franquias de pizzaria: por que investir?

O mercado de pizzas no Brasil continua crescendo. Aliás, o setor de alimentação, no geral, está a todo vapor, graças aos novos hábitos dos consumidores. 

Com tantos afazeres no dia a dia, mal sobra tempo para as pessoas prepararem a própria comida. Não é de se estranhar, então, que 34% dos brasileiros gastem 25% de sua renda com alimentação fora de casa. As informações são de um levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A busca por refeições rápidas e baratas é um dos principais fatores a aquecer o setor de franquias de alimentação, mesmo em tempos de crise.

Ao mesmo tempo, o ramo viu seu faturamento subir R$ 3 bilhões entre 2017 e 2018, com um aumento de 5,9% no número de unidades franqueadas. Os dados são da Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Para completar, o segmento de alimentação é o que mais fatura no franchising brasileiro. Dentro dele, o ramo das pizzarias é um destaque, correspondendo a 30% dos pedidos de delivery.

Também é preciso lembrar que existem 36 mil pizzarias formais em funcionamento no Brasil. Mas esse número elevado não atrapalha sua garantia de bons resultados. Isso mesmo que você não tenha experiência na gestão de um restaurante.

Ou seja, as franquias de pizzaria são uma excelente alternativa para os empreendedores de primeira viagem que pretendem investir no segmento.

Que cuidados tomar para abrir uma franquia de pizzaria?

As pizzas correspondem a 30% dos pedidos realizados por delivery de alimentação.

De acordo com o levantamento da consultoria Neoway, o índice de mortalidade de pontos de franquia é de apenas 4,3% nos primeiros cinco anos, contra 85% das pequenas empresas independentes. Isso se deve muito ao know-how de quem conhece o mercado — no caso, a franqueadora.

Nesse sentido, vale muito mais a pena investir em uma franquia de pizzaria do que abrir uma própria do zero.

Porém, antes de investir em qualquer rede, é importante conhecer a reputação da marca perante os consumidores. É essencial que a empresa seja bem-vista, que ofereça receitas deliciosas e desejadas pelos usuários.

Para esse tipo de avaliação, você pode pesquisar sobre a marca na internet. As redes sociais e o site Reclame Aqui costumam apresentar opiniões importantes sobre a empresa.

Ainda vale a pena buscar referências sobre a marca com outros franqueados. Claro de uma forma que não mencione o seu interesse em investir, pois podem gerar uma expectativa tanto maior quanto menor do negócio.

Avalie com cautela essa experiência com outros franqueados um feedback positivo nessa pesquisa te dará mais segurança para seguir em frente com essa franquia.

Você tem interesse pelo setor de alimentação?

Ok, o mercado de franquias de pizzaria pode ter ótimos resultados. Porém, por mais que a franqueadora dê todo suporte e treinamento necessários, o sucesso do negócio depende muito do empenho e dedicação do franqueado.

Logo, você deve arregaçar as mangas e trabalhar muito. Isso só acontece quando o empreendedor tem interesse pelo mercado em que atua.

Ou seja, identificar-se com o setor de alimentação é um fator fundamental na hora de investir em uma franquia de pizza.

Outro ponto importante: saber lidar com as exigências desse setor. Trabalhar no ramo de alimentação exige uma atenção constante e redobrada por parte do franqueado, em relação ao estoque de produtos, normas sanitárias e controle de qualidade.

Além disso, é importante contar com outras características. Para conhecê-las, você pode acessar o texto “Franquia de Pizza: esse negócio é para você?”.

Como administrar franquias de pizzaria?

Interessado pelas franquias de pizzaria? Então, é importante se dedicar e aprender um pouco mais sobre como administrar uma pizzaria. 

Antes de tudo: o empreendedor não precisa colocar, literalmente, a mão na massa e preparar as pizzas. Mas será preciso elaborar um plano de negócios, ter controle sobre as finanças da empresa e planejar todas as ações a serem feitas. Essas tarefas são indispensáveis para o alcance do sucesso no setor.

Por isso, você precisará definir qual tipo de pizzaria pretende abrir. As opções são: a la carte, delivery, rodízio, fast food e outras.

Uma pizzaria que trabalha com sistema delivery, por exemplo, deve ficar atenta à logística, definindo um limite geográfico para realizar as entregas. Atender somente a bairros próximos é sinônimo de pizza quentinha na mesa do cliente. 

Já uma pizzaria do modelo rodízio tem outro desafio: estabelecer o preço fixo da refeição, garantindo que ele seja atrativo ao cliente e não deixe o caixa da empresa no vermelho.

Se a sua opção for por uma pizzaria fast food, a sua atenção deverá se voltar para o horário de funcionamento da unidade.

Neste caso, é importante ficar aberto na hora do almoço, para atender pessoas que têm pouco tempo para fazer sua refeição. Aqui, é recomendável que a loja fique próxima a regiões comerciais.

Como existem diversos modelos de negócio para franquias de pizzaria, é natural que o investimento também varie. Por exemplo: uma pizzaria que só trabalha com sistema delivery exige um espaço menor. Consequentemente, o investimento necessário é mais econômico, não é mesmo?

Por esse motivo, é importante avaliar bem o quanto você possui para investimento. Com esse cuidado, será mais simples considerar modelos de negócio que se encaixem no seu perfil.

Onde montar uma pizzaria?

imagem ilustrativa pin de localização
O sucesso de franquias de pizzaria depende de uma série de fatores, inclusive sua localização.

A escolha do ponto comercial de uma franquia de pizzaria também é um passo muito importante para se ter sucesso.

Sobretudo para aquelas que atendem os clientes no local. Então, anote aí: o ideal é que o estabelecimento seja de fácil acesso aos clientes. Ele ainda deve ter vagas próximas para estacionar o carro.

Buscando os melhores resultados, as franqueadoras ajudam o empreendedor a definir o ponto comercial para a sua loja. Esse auxílio acontece por meio de um estudo de geomarketing, que avalia questões como a renda do público próximo, os concorrentes ao redor e mais.

Ao mesmo tempo, são avaliados aspectos como a segurança da localização e a facilidade de acesso por clientes e fornecedores.

Depois da definição do local, a franqueadora ainda auxilia no projeto visual da loja. É por meio desse projeto que a dona da marca consegue manter a padronização das suas unidades. 

Mais do que ajudar na operação da loja, a padronização facilita o reconhecimento da empresa pelo consumidor. Com reconhecimento do modo de fazer da marca, os clientes têm maior facilidade em estabelecer confiança e comprar com a loja.

Franquias de pizzaria: capital necessário

Se você leu este texto até aqui, já deve ter percebido que o investimento em franquias de pizzaria é uma ótima opção de negócio. Você tem, inclusive, todas as características necessárias para ser um bom empreendedor. Mas e o capital necessário: você o possui? 

Muitas pessoas pensam que basta levantar o dinheiro do capital inicial e adquirir a franquia. Mero engano. Na verdade, existem muitos custos mensais por trás de uma franquia.

Alguns dos primeiros custos associados a esse tipo de negócio são os royalties e a taxa de publicidade. Isso sem falar no capital de giro. Ou seja, o fluxo de dinheiro necessário para garantir o funcionamento da unidade no dia a dia. 

Antes de escolher abrir uma franquia, você precisará fazer várias contas. Coloque na ponta o lápis o que você já tem para investir, seus custos imediatos e os que terá ao longo do gerenciamento do negócio.

Especialistas recomendam começar o negócio com uma reserva financeira que cubra, pelo menos, seis meses de capital de giro. Esse é o tempo médio para que uma empresa comece a caminhar com as próprias pernas.

Na hora de investir no seu negócio, lembre-se: você precisa ter afinidade com o ramo escolhido! Se franquias de pizzaria não são o seu forte, que tal avaliar outros setores

Assim, você terá maior segurança na busca pelo sucesso! Acompanhe outras opções de franquias e modelos de negócios no nosso blog

Sair

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *