Realidade virtual. De início esse termo pode soar como paradoxo, já que a realidade e a virtualização são coisas opostas. São? O avanço da tecnologia e das pesquisas nesse meio tem mostrado como é possível unir o virtual ao real.

E um exemplo simples e que esteve na palma da mão de muita gente: o jogo Pokémon Go, que foi febre mundial em meados de 2016, se utiliza da tecnologia da realidade virtual: onde os dois mundo se unem para de transformar em uma terceira coisa.

Aliás, este segmento está conquistando tanto campo que existem projeções de ganhos em torno de 162 bilhões de dólares em 2020, passando de 5,2 bilhões de dólares em 2016, segundo pesquisa da consultoria IDC.

E quando as franquias entram nessa história? Mesmo sendo um mercado relativamente novo, em que as tecnologias ainda estão sendo aprimoradas, já existem franquias que trabalham com essa realidade virtual em seus produtos ou no oferecimento de serviços. Confiram quais são os setores que trabalham com essa tecnologia.

Educação

A realidade virtual é um ótimo recurso para aprimorar a experiência de alunos e professores. Para que tenha ideia, museus e galerias de diversas partes do mundo disponibilizam passeios virtuais por seus corredores e obras usando a realidade virtual como auxílio para os seus visitantes.

A Pinacoteca de São Paulo, O Museu da Língua Portuguesa e a IBM, por exemplo, fizeram uma parceria em que os visitantes podem conversar com as obras de arte por meio do Watson, uma plataforma de computação cognitiva.

Outro parte de seguimento é a educação à distância, onde muitas instituições do mundo estão pesquisando e testando formas de como utilizar a realidade virtual para fornecer a seus alunos uma experiência mais próxima de uma sala de aula.

Turismo

Você vai comprar um pacote de viagem, mas para ter certeza quer experimentar um pouco do destino escolhido sem sair de casa. Isso é possível em empresas aéreas, as quais disponibilizam óculos em suas salas de espera em aeroportos com experiências sobre os destinos aonde os passageiros irão e alguns agências de viagens também estudam a possibilidade de incluir essa tecnologia no momento da compra do pacote.

E-commerce

Vai comprar um sofá e não sabe como ele vai ficar na sua casa? Ou não se decidiu ainda com qual cor vai pintar a sua casa e está sem tempo de pegar as amostrar em uma loja física? A realidade virtual pode ajudar nesses casos: diversas empresas e marcas têm investido nessa tecnologia, sendo esse o fator decisivo no poder de compra de muitos clientes.

Um marcado virtual, em específico, tem investido pesado na tecnologia: o que roupas. Vai comprar aquela blusa e não sabe se vai cair bem? Muitas empresas e marcas desse setor tem investindo em aplicativos que fazem uso da realidade virtual. Esse é um dos mercados que pretendem ampliar o uso da tecnologia em 2018. #tendência

Imobiliária

Outra coisa que é difícil e chama de fazer é alugar ou comprar um imóvel. Como com ajuda da realidade virtual, a pessoa pode conhecer novas realidades sem sair do lugar é uma boa pedida para esse mercado, sendo uma nova ferramenta de vendas. Isso porque o cliente, em vez de visitar diversos imóveis pode fazer uma seleção com os óculos de realidade virtual, que têm dentro um aplicativo que roda as imagens do local visitado em 3D.

Saúde

Já existem diversos aplicativos que utilizam a tecnologia para ajudar médicos e cirurgiões a desenvolverem melhor seus trabalhos. Há, por exemplo, uma plataforma baseada em vídeo e permite que cirurgiões auxiliem em operações remotas, usando o aplicativo como guia para cirurgiões menos experientes.

Desta forma, mesmo distante o médico é capaz de mostrar como fazer um procedimento.

Categories: ENTRETENIMENTOMERCADO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Faça parte de um dos maiores grupos de franquias do Brasil!

Preencha com seu e-mail a baixo e receba em seu e-mail as melhores dicas de franquias.

chevron-down