fbpx
  • Compre sua Franquia:

    (31) 3654-5664

  • E-mail de Contato:

    franquia@encontresuafranquia.com.br

Encontre sua Franquia

Quer trabalhar em casa? Veja como ter disciplina


Trabalhar em casa pode ser uma ótima opção, mas requer vários cuidados. Saiba como ter sucesso com este tipo de atividade e descubra como abrir um negócio home office!

Quer trabalhar em casa? Seja abrindo uma empresa, seja como colaborador, você vai precisar tomar alguns cuidados. Especialmente porque o home office traz muita flexibilidade — o que pode ser uma incrível vantagem, mas também um enorme problema.

Ao trabalhar fora, uma rotina se repete: muito tempo perdido no trânsito, almoço no restaurante e pouca previsão do horário em que você vai chegar casa.

Para não ter que enfrentar tudo isso, só trabalhando em casa, não é mesmo? Pois trabalhar em casa é o sonho – e a realidade – de muitas pessoas!

Segundo pesquisa do espaço de coworking Spaces, mais da metade dos colaboradores corporativos trabalha pelo menos uma vez por semana em casa. 

Quem empreende também tem essa possibilidade. Aliás, existem muitas opções de franquias home office para você investir.

No entanto, o que à primeira vista pode parecer fácil e vantajoso, não é tão simples assim. Quem deseja trabalhar em casa precisa ter muita organização e disciplina. Para se ter ideia, 48% das pessoas que fazem home office ainda têm dificuldade de se concentrarem no trabalho. E isso prejudica o seu desempenho e lucro.

Portanto, para que seu trabalho em casa seja produtivo, será preciso ter determinação. Abaixo, listamos algumas dicas para que você alcance esse objetivo. Não apenas para o gerenciamento da sua própria empresa, mas também para o trabalho home office como colaborador de outro negócio. Acompanhe!

O que é o home office?

Trabalhar em home office nada mais é do que executar suas atividades profissionais fora da empresa.

Isso significa que, apesar do que a denominação sugere, o trabalho não precisa ser feito em casa. Na verdade, ele pode acontecer também em cafés, espaços de coworking, parques ou onde mais o usuário tiver acesso à internet. Afinal, o acesso virtual é essencial para o home office.

Trabalhar em casa pode ser a solução para diversas situações. Primeiro, para empresas que não se preocupam tanto com a presença do colaborador no escritório. A opção pode ser interessante para a economia de custos, por exemplo.

A economia também é um dos principais atrativos para a abertura de uma empresa home based. No mercado, diferentes companhias podem atuar apenas deste modo.

Você pode, por exemplo, optar por uma operadora de viagens, por uma corretora de seguros, consultoria financeira, agência de publicidade e mais. 

Para facilitar a abertura do negócio, você também pode optar pelas franquias. A principal vantagem desse tipo de companhia é que o empreendedor investe em uma marca já reconhecida pelo público.

Ao mesmo tempo, obtém um planejamento de negócio completo, pronto para ser colocado em prática. O plano já estabelecido é menos sujeito a erros, e já foi corrigido. Assim, as chances de sucesso da empresa são maiores e mais rápidas.

Quais as vantagens de trabalhar em casa?

trabalhar em casa imagem notebook home office
Ao trabalhar em casa, o profissional ganha mais tempo para cuidar do seu bem-estar.

Como citado, a atuação home office é cheia de vantagens. Ela é interessante, por exemplo, pela flexibilidade que proporciona. Investindo nesse tipo de negócio, o empreendedor pode fazer seus próprios horários, dedicando-se o quanto achar necessário.

Mas é importante dizer: seu lucro estará diretamente ligado ao tempo aplicado à empresa.

Com a flexibilidade de horário, também vem a possibilidade de otimizar o seu tempo. Assim, parte do dia a dia pode ser dedicado à família, amigos, hobbies ou o que mais você desejar fazer.

É possível até realizar atividades físicas, garantindo maior qualidade de vida. Segundo especialistas, o ideal é realizar, pelo meno, 150 minutos de exercícios por semana.

Como dito antes, trabalhar em casa ainda reduz custos para a empresa. Afinal, não é preciso pagar pelo transporte, alugar um espaço físico ou comprar mobiliário novo. Basta encontrar um espaço adequado dentro de casa, coworking ou outro.

Gostou da ideia de trabalhar com mais flexibilidade e economia? A seguir, listamos várias dicas para que a sua atividade seja a mais produtiva possível. Tomando estes cuidados, você verá seu rendimento crescer, assim como os lucros da sua empresa (ou da companhia para a qual você trabalha).

10 dicas para trabalhar em casa

Antes de escolher trabalhar em casa, é importante que você tome alguns cuidados para conseguir aproveitar o máximo do seu trabalho. Por mais que pareça algo simples, é necessário seguir uma série de rotinas. 

Nem sempre possuímos um bom espaço para fazer nossas obrigações em casa ou temos disciplina para realizar esse tipo de atividade. Dessa forma, confira as dez dicas que listamos para ajudar você!

1. Reserve um espaço para o trabalho

Apesar de parecerem confortáveis, alguns espaços não são os ideais para o trabalho. Isso inclui a mesa da cozinha, o sofá da sala, a sua cama. O resultado é ainda menos interessante se você muda o espaço com frequência. Por isso, é essencial definir onde você vai trabalhar todos os dias. 

O melhor é criar um escritório em casa, com mesa, computador, boa iluminação e acesso à internet. Esse ambiente precisa ser livre de distrações e, de preferência, não possuir o tráfego de pessoas. A concentração é essencial para um bom trabalho, principalmente se você estiver atuando para o seu próprio negócio. 

Ainda é importante escolher os móveis corretos. Invista em uma cadeira de escritório confortável e em uma mesa na altura adequada. Isso vai tornar a sua rotina de trabalho mais fácil de cumprir.

Se não for possível criar um escritório dentro de casa, ao menos tenha o cuidado de estabelecer as condições ideais. É preciso garantir o acesso à internet, a boa iluminação e móveis confortáveis para o dia a dia. Além, é claro, do menor número possível de distrações.

2. Observe sua vestimenta

É tentador acordar de manhã e começar logo a trabalhar, sem nem mesmo tirar os pijamas. Essa prática, porém, pode dificultar o seu dia a dia. Inconscientemente, seu corpo terá dificuldade em compreender que aquele é o momento da sua atividade profissional. 

Por isso, sempre vale a pena cuidar da sua vestimenta. Você não precisa se vestir como se fosse para o escritório — apenas tenha o cuidado de parecer mais “apresentável”. 

Se o objetivo for encontrar clientes pessoalmente, ou conversar com eles por vídeo, aí sim você precisará vestir algo formal. A sua apresentação tem papel fundamental na imagem profissional que você transmite. O usuário precisa perceber que você é mesmo um especialista. Transmita seriedade, e será mais fácil fazê-lo acreditar no seu trabalho.

3. Estabeleça uma rotina de horários

relogio imagem ilustrativa definir rotina
Ter uma rotina, com horários predefinidos, ajuda a manter a disciplina no home office.

Fazer home office não quer dizer trabalhar uma hora por dia, nem 15 horas por dia. A carga horária deve ser a mesma que você teria em um escritório. Ou seja, entre seis e oito horas, com intervalos regrados. Lembre-se: a sua dedicação estará diretamente ligada ao seu lucro! 

Ainda assim, é possível contar com certa flexibilidade de horários. Hoje, por exemplo, você pode precisar levar seus filhos ao médico. Então, em vez de trabalhar pela manhã, vai se dedicar na parte da tarde e à noite. O tempo de trabalho será o mesmo, mas em um período diferente do dia.

Essa flexibilidade é maior quando você está se dedicando ao seu próprio negócio. Porém, também existe quando você é o colaborador de uma empresa. Nesse último caso, porém, é importante definir os limites dessa flexibilidade com o seu empregador.

De qualquer forma, é essencial estabelecer um horário padrão, em que seus clientes poderão sempre entrar em contato. Podem ser apenas algumas horas fixas por dia, mesmo que todas as demais sejam variáveis. Esse padrão vai prevenir “desencontros” e evitar que o usuário se sinta incomodado por não encontrar seu auxílio. 

4. Trace metas diárias para trabalhar em casa

Embora pareça bobagem, fazer uma lista com as tarefas diárias ajuda bastante. Aqui, o ideal é colocar as atividades mais importantes em primeiro lugar, como uma meta de produção. Visando cumpri-la, crie regras para não se render a possíveis distrações, como a TV ou as redes sociais.

5. Converse com o pessoal da casa

Trabalhar em casa pode ser uma tarefa mais árdua quando há outras pessoas no ambiente. Pode ser difícil estabelecer limites, mas eles são fundamentais! 

Assim, converse com todos e informe que seu horário de trabalho, é seu horário de trabalho. Dessa forma, você não pode ser interrompido para conversar, realizar tarefas ou favores. As pessoas precisam agir do mesmo modo que agiriam se você estivesse indo para o escritório todos os dias.

6. Crie um sistema de recompensas

Que tal recompensar a si mesmo sempre que atingir uma meta do seu trabalho? Dessa forma, você se manterá motivado a continuar com a disciplina.

Você pode começar aos poucos. Por exemplo: trabalhou 5 dias em seu plano de negócio? Vá ao cinema. Criou o conceito de marca? Jantar fora. E assim por diante. Assim, você consegue criar um ciclo de motivação para fazer o seu negócio sair do papel e crescer.

7. Desligue os aparelhos eletrônicos

Aparelhos eletrônicos podem ser fonte de distração, afastando a sua mente do trabalho a ser feito. Isso inclui itens como televisão, rádio, celular e mais. Por isso, procure desligar esses equipamentos. 

Para não se distrair com mensagens nas redes sociais, como o WhatsApp, nossa dica é obter um número exclusivo para a empresa. Um número exclusivo vai garantir que as mensagens recebidas durante seu trabalho serão apenas profissionais. Ou seja, sem contatos pessoais, brincadeiras em grupos ou distrações semelhantes.

8. Planeje as suas refeições

Trabalhando em casa, é comum que o indivíduo se distraia quanto à sua alimentação. Ele come mal, em horários irregulares e, às vezes, sem pausas. Porém, todas essas práticas são bastante prejudiciais à saúde. É essencial dar uma pausa na hora da alimentação, e se dedicar apenas a ela. 

Além disso, seu corpo precisa “se acostumar” a uma rotina. Desse modo, como você faria no trabalho fora, estabeleça um horário fixo para o café da manhã, o almoço e o lanche.

Mais do que fazer bem ao seu organismo, isso vai ajudar na sua produtividade. Afinal de contas, você não precisará interromper uma tarefa porque ficou com fome. Em vez disso, vai realizar a atividade no tempo que já tem planejado.

Aproveitando que você está em casa, é importante manter uma alimentação saudável. Nada de substituir refeições por sanduíches ou fast food! Manter o consumo dos nutrientes adequados vai garantir sua saúde e energia para realizar seu trabalho. 

Se for mais simples, vale a pena preparar e congelar todas as suas refeições da semana de uma só vez. Assim, na hora do seu almoço, você só precisará levá-las ao micro-ondas, otimizando seu tempo.

9. Não adie as tarefas desagradáveis

Todo trabalho tem a sua parte chata, não é verdade? A história se repete com quem trabalha em casa. Você sempre vai encontrar alguma atividade de que não gosta muito, e o seu primeiro instinto pode ser adiá-la. Não faça isso!

A procrastinação é um dos principais problemas da produtividade em casa. Faça tudo o que você precisa, sem deixar tarefas para depois.

10. Mantenha o espaço organizado

Não é porque você está em casa e não recebe (ou quase não recebe) clientes, que pode descuidar da limpeza e organização. É importante manter os documentos ordenados e todos os seus materiais de trabalho à mão. Mas, também, guardados nas gavetas e arquivos, em vez de espalhados pela sala.

Isso vai facilitar o seu dia a dia, otimizando o tempo. Também vai reforçar a ideia de que aquele espaço é um ambiente profissional. Será mais simples e satisfatório manter o ritmo de produtividade.

Algumas desvantagens de trabalhar em casa

Trabalhar em casa é uma das soluções mais tentadoras para a maioria dos profissionais. Afinal de contas, é a chance de ter mais tempo para você mesmo, não sofrer com os estresses causados pelo trânsito ou transporte público etc. 

Porém, a vida de quem opta pelo home office não é sempre um mar de rosas. É necessário ficar atento a pontos que podem fazer você perder o interesse e foco ao longo da sua jornada. 

Dessa forma, separamos as principais desvantagens para quem escolhe trabalhar em casa e algumas dicas para minimizá-las. 

Pouco contato social

Existem alguns modelos de trabalho home office que permitem e até obrigam as pessoas a saírem de casa para atender, negociar algum produto ou resolver pendências relacionadas ao seu cargo. Porém, existem aquelas onde o profissional não precisa sair de casa. 

Isso acaba diminuindo em muito o contato social do indivíduo. Nas empresas, é comum encontrarmos pessoas circulando pelos corredores do trabalho, ter colegas que sentam ao lado ou uma reunião descontraída durante o café ou lanche. 

Entretanto, em casa isso não existe e pode fazer com que alguns colaboradores se sintam sozinhos. Para evitar esse tipo de situação, uma dica é separar um horário do seu dia para conversar com seus amigos e família. Mas cuidado para que isso não atrapalhe a sua rotina!

Outro ponto, como falamos aqui, é a possibilidade de atuar com produtos ou serviços que lhe permitem sair de casa.

Atualmente, existem franquias, por exemplo, que trabalham indo até os clientes. Além de ser uma possibilidade de mudar de vida, é uma boa opção para evitar a sensação de solidão. 

Não há troca de experiências

Isso está muito ligado ao possível isolamento que citamos. Ao trabalhar em casa, o profissional não tem como trocar experiências fora do seu ciclo de amizades. Ou seja, procurar alguma liderança ou pessoa especialista em uma determinada área para ter uma conversa mais profissional. 

Essas conversas são importantes e frequentes dentro do ambiente de trabalho convencional. Inclusive, ajudam o profissional a ter insights sobre situações em que ele está “travado”, por exemplo. 

Porém, isso costuma ser reduzido quando o empresário opta por uma franquia home office.

De qualquer forma, as marcas que atuam nesse modelo de negócio oferecem suportes e treinamentos. Eles ajudam o franqueado a resolver situações e adquirir o conhecimento necessário para desenvolver o seu projeto.

Mais trabalho que o habitual

Trabalhar em casa exige que você crie uma rotina com os horários, para que não corra o risco de passar das oito horas de trabalho. Porém, é fácil perder a noção de quanto tempo você está ali na frente do computador, por exemplo. 

Dessa forma, é possível que você chegue ao final do dia com uma sensação maior de cansaço do que quando trabalhava no escritório.

Além disso, essa impressão de mais trabalho pode se dar por causa da falta de planejamento do seu tempo. Ou ao misturar suas obrigações profissionais com serviços de casa.

Porém, se você estiver pensando em abrir um negócio próprio e atuar como home office, saiba que essa rotina será realmente mais “pesada”. Mesmo que estivesse inaugurando um escritório, o trabalho de um empresário ultrapassa sempre as tradicionais oito horas. 

Uma dica importante, caso essa seja a sua situação: defina muito bem os seus horários ou dias que irá dedicar-se apenas aos atendimentos.

Também crie um cronograma com as funções que irá assumir, principalmente no começo do negócio, quando estará cuidando sozinho do seu empreendimento. 

Quer saber se você tem o perfil para atuar como home office? Acompanhe o vídeo abaixo explicando mais sobre essa modalidade de trabalho!

Conheça opções de franquias home office!

Viu só como é fácil ter disciplina trabalhando em casa? Os cuidados são muitos, mas é simples colocar cada um deles em prática. Você só precisará estabelecer uma rotina e metas. 

As nossas dicas valem tanto para quem é colaborador de uma empresa, quanto para quem é freelancer. Valem, ainda, para quem deseja abrir seu próprio negócio. Se você se encaixa neste último grupo, lembre-se de considerar as oportunidades que as franquias oferecem.

As franquias home office são voltadas para os empreendedores que desejam trabalhar em casa, atendendo seus clientes independentemente da sua localização.

Podemos dizer que esse modelo de negócio só se tornou possível devido ao avanço da tecnologia, que nos permite trabalhar de qualquer lugar com apenas um computador e acesso a internet. 

Dessa forma, devido a essa facilidade e conforto, esse tipo de franquia acabou atraindo investidores de diferentes perfis. Sempre gerando uma demanda maior a cada ano e atraindo cada vez mais empresas a aderirem esse modelo. 

De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), em 2019, no Brasil já existiam mais de 580 marcas que trabalham com esse opção de investimento para os interessados em se tornarem franqueados.

Além disso, as franquias home office possuem um investimento bem inferior às demais, unidades físicas. Mas, apesar disso, a rentabilidade do empreendimento pode ser igual ou até superior, tudo depende da forma como o empreendedor conduzir o seu negócio.

Esse modelo de negócio é cheio de vantagens, e pode te ajudar a alcançar logo o sucesso. A seguir, apresentamos algumas opções de franquias home office. Continue lendo!

Quisto Corretora de Seguros

A Quisto Corretora de Seguros é uma empresa que surgiu em 2012, na cidade de Belo Horizonte, Minas Gerais.

Com mais de 90 serviços oferecidos, o franqueado consegue trabalhar de forma rápida. Isso graças à agilidade do programa que gera as cotações de serviços.

Atualmente, a Quisto Corretora de Seguros utiliza um sistema de Gestão Comercial e Multicálculos que acompanha e gera cotações em mais de 20 seguradoras.

Essas soluções podem variar desde um seguro aeronáutico até consórcios e Carta Verde — um tipo de seguro utilizado para cobrir danos corporais e materiais durante uma viagem de carro no Mercosul. Além disso, também possui em seu catálogo de serviços planos de saúde e odontológico. 

A franquia faz parte da carteira de empresas da Encontre Sua Franquia desde 2018 e vem se destacando no mercado.

Além disso, a marca é uma das franquias que oferecem solução para quem deseja trabalhar em casa. O seu modelo home office permite que o empresário faça todo o seu serviço com apenas um computador e acesso à internet. 

  • Investimento total:  R$ 15 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 50 mil
  • Prazo de retorno: 6 a 18 meses

Para saber mais sobre a Quisto Corretora de Seguros e como obter bons resultados trabalhando de casa, confira o vídeo explicativo da marca abaixo!

Encontre Sua Viagem

A Encontre Sua Viagem (ESV) foi criada pelo empresário Henrique Mol em 2011. Com o passar dos anos, a marca passou a ser reconhecida pelos clientes devido a qualidade dos serviços prestados. 

Atuando de forma diferente no mercado, a ESV conseguiu atrair diversos franqueados e hoje conta com mais de 500 unidades espalhadas pelo Brasil. Para os próximos anos, a expectativa é que esse número aumente ainda mais. 

Uma das vantagens enxergadas por esses investidores foi a boa comissão oferecida pela marca. Além disso, ela permite que o franqueado receba o pagamento integral mesmo se o pacote for quitado de forma parcelada pelo cliente. 

Diferente de outros empreendimentos, as comissões vão variar de acordo com o serviço ofertado.

  • Passagens Aéreas – repassado pela cia aérea de acordo com suas diretrizes;
  • Passagem Rodoviária – 5%;
  • Cruzeiro – 10%;
  • Locação de Carro – 10%;
  • Hotelaria Nacional ou Internacional – 12%;
  • Pacote de Viagem – 12%;
  • Intercâmbio – 13%;
  • Seguro de Viagem – 45%.

Na hora de abrir uma Encontre Sua Viagem, o empreendedor pode optar pelo modelo Home Office, que não requer um espaço comercial. Dessa forma, ao trabalhar em casa, o  franqueado precisa apenas de uma boa internet e computador. 

Vale lembrar que, para ter um bom rendimento, é importante que o empreendedor desenvolva uma relação mais próxima dos clientes. Isso vai aumentar as suas chances de negociar novos pacotes com eles.  

  • Investimento inicial: a partir de R$ 12 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 70 mil
  • Prazo de retorno: entre 3 e 24 meses

Conheça mais sobre o modelo de franquia home office da Encontre Sua Viagem no vídeo a seguir!

Acquazero

Idealizada e criada em 2009 no estado de São Paulo, a Acquazero é uma empresa que surgiu com o intuito de oferecer serviços diferenciados e sustentáveis de limpeza automotiva. 

A marca está preocupada com a conservação ambiental e a preservação dos recursos naturais desde a sua fundação. Por isso, ela contou com a ajuda de um químico para desenvolver um produto que permitisse a limpeza completa de um carro com apenas 300 mililitros de água. 

Dessa forma, devido a crise hídrica que atingiu a região Sudeste entre 2014 e 2016, a marca passou a ganhar destaque entre os consumidores que buscavam maneiras de manter seus veículos limpos sem consumir muita água. 

Além dos diversos serviços oferecidos pela Acquazero, ela também tem como diferencial o preço acessível para grande parte da população. Diferente dos seus concorrentes que, durante muito tempo, focaram o atendimento nas classes mais altas.  

Um dos motivos que fizeram da Acquazero crescer pelo Brasil são seus franqueados home office. Nesse caso, cabe ao empreendedor ir até os clientes para realizar os processos de estética automotiva.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 13 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 12 mil
  • Prazo de retorno: entre 3 e 18 meses

Veja mais informações sobre a franquia Acquazero no vídeo a seguir!

Mardelle

Voltada para o mercado de moda íntima, a Mardelle é uma marca que ficou conhecida pela qualidade de seus produtos com preço justo e atendimento diferenciado.

Um dos diferenciais da Mardelle é oferecer o modelo para quem deseja trabalhar no home office. Ou seja, basta que o franqueado compre um lote inicial de peças íntimas e faça visitas aos clientes. 

O que torna esse negócio prático é a prontidão em que o consumidor recebe o seu produto. Como existe a reserva de mercadorias, não é necessário fechar uma quantidade de pedidos para aí sim entregar as peças a seus clientes. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 25 mil
  • Faturamento médio mensal: até R$ 80 mil
  • Prazo de retorno: entre 18 e 24 meses  

Deseja conhecer um pouco mais sobre a marca? Acompanhe o vídeo a seguir, que conta as vantagens de se tornar um franqueado Mardelle!

Agora você já conhece as várias vantagens de trabalhar em casa e dicas para manter a disciplina.

Se o o objetivo for abrir o seu próprio negócio, lembre-se de que é importante avaliar alguns pontos essenciais. Escolher bem o modelo de empresa e o setor em que você vai atuar são importantes para o seu sucesso.

Sair

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *